Durant vai recusar sua player option, mas renovará com os Warriors

Após derrotar o Cleveland Cavaliers nas Finais e levar mais um anel para Oakland, o Golden State Warriors agora tem outra “batalha” a enfrentar nesta offseason. Alguns de seus jogadores entram em fim de contrato, e a diretoria da equipe californiana trabalha para manter não só os atletas, mas também um conjunto extremamente forte.

O recém-chegado Kevin Durant é um deles. Com salário superior a 26,5 milhões de dólares (cerca de R$ 87 milhões) por temporada, o ala tem a player option em seu contrato, ou seja, ele decide se continua nos Warriors ou se trocará novamente de equipe. Caso aceite esta clausula, o jogador seguirá na franquia californiana, recebendo aproximadamente 28 milhões de dólares (quase R$ 92 milhões) por ano. Entretanto, Durant não irá aceitar a player option, mas continuará atuando em Oakland.

De acordo com a ESPN norte-americana, o camisa 35 irá declinar de sua clausula para renovar com os Warriors por um salário menor. Fazendo isso, a franquia teria um pouco mais espaço no cap (o teto salarial) para renovar com os free agents Stephen Curry e Andre Iguodala. Vale lembrar que o último, o reserva mais importante do elenco, teria despertado o interesse de diversas equipes da NBA, e ainda estaria disposto a se reunir com cada uma delas. Um aumento salarial, mesmo que não tão alto quanto outros oferecidos, talvez seja o suficiente para manter o MVP das Finais de 2014/2015 na Califórnia.

%d blogueiros gostam disto: