Seleção dos EUA sub 16 pronta para levar o ouro para casa

Uma vez me perguntaram, como você conhece os melhores prospectos para o Draft da NBA? Minha resposta foi; acompanho o campeonato universitários dos EUA, além dos campeonatos de base das seleções, isso ajuda bastante. Nesse verão no hemisfério norte não será diferente. Já tivemos o título norte americano feminino no sul americano sub 16 e agora é a vez dos meninos entrarem em quadra.

A competição sul americana, que será realizada na Argentina, conta com oito equipes, são elas: Argentina, Canadá, Estados Unidos, México, Paraguai, Porto Rico, República Dominicana e Venezuela. Lembramos que a seleção brasileira continua suspensa de competições internacionais pela FIBA.

Abaixo todos os jogos da competição:

Hoje – 14 de Junho

Venezuela x Paraguai – às 14h
EUA x Porto Rico – às 16h15
México x Rep. Dominicana – às 18h30
Canadá x Argentina – às 21h

Amanhã – 15 de Junho

Porto Rico x México – às 14h15
Paraguai x Canadá – às 16h30
Rep. Dominicana x EUA – às 18h45
Argentina x Venezuela – às 21h

Sexta-feira – 16 de Junho

EUA x México – às 14h15
Rep. Dominicana x Porto Rico – às 16h30
Canadá x Venezuela – às 18h45
Paraguai x Argentina – às 21h

*Todos os jogos no horário de Brasília e com transmissão no cana do YouTube da FIBA.

Sábado ocorre a semi final e domingo a final.

Uma das grandes favoritas na competição é a seleção norte americana, 12 jogadores de todas as regiões dos EUA estarão brigando para levar o ouro para casa e o mais importante, a vaga para o mundial sub 17, que ocorre no ano que vem.

Com a ajuda de Felipe Souza, do High School Br, vamos conhecer melhor essa seleção composta por meninos que jogam o high school nos EUA;

Scottie Barnes (Cardinal Newman H.S/FL)

Scottie é um atleta que abusa das infiltrações e finaliza bem do mid-range. Consegue fazer boa marcação no 1-1 e faz a transição defesa-ataque muito bem. Porém, precisa melhorar o seu espaçamento de quadra e ser mais consistente no seu arremesso.

Vernon Carey Jr (University School/FL)

Vernon é um dos atletas mais prontos desse time. Jogador bom tecnicamente e que sabe usar bem o seu físico para pontuar. Na defesa, contribui bastante com belos tocos e importantes rebotes. Pode contribuir bastante no small ball.

Jalen Green (San Joaquim Memorial H.S/CA)

Green é um jogador que chamou a atenção no high school por espaçar bem a quadra e ter um bom arremesso do perímetro. Ele tem um bom ball handling, uma boa visão de quadra e finaliza bem após o drible.

R.J Hampton (Little Elm H.S/TX)

Hampton é um point guard extremamente talentoso e que tem tudo para evoluir cada vez mais, agora em no ótimo programa de Montverde. Ele chama a atenção pela boa transição defesa-ataque, pela boa mecânica de arremesso, pelo seu bom timing em pegar rebotes e dar tocos.

Na defesa, ele marca bem no 1-1, faz uma boa cobertura quando necessário e consegue diminuir bem os espaços para o arremesso adversários.

De’Vion Harmon (John Guyer H.S/TX)

Harmon é um mix entre força física, velocidade e agressividade nas transições. É confiante nas jogadas de jump shot e cria bem o espaço para os seus arremessos. Defensivamente, ajuda muito nos roubos de bola e força bastante turnovers dos seus adversários.

Zion Harmon (Bowling Green H.S/KY)

Zion é o atleta mais jovem a entrar para a seleção U16, então isso já mostra o quão talentoso ele é. Um dos prospectos que mais vem chamando a atenção no high school e que possui um potencial enorme. Tem o melhor ball handling desse time, faz belos crossovers, tem um bom arremesso de curta e média distância, bom passe e um bom físico para a sua posição e altura.

Wendell Moore Jr (Cox Hill H.S/NC)

Moore é um atleta versátil, joga de small foward mas pode atuar como power foward ou center. É muito forte fisicamente, finaliza bem as jogadas no layup, pick and roll ou quando infiltra bem pela lateral do garrafão (principalmente pelo lado direito). Na defesa, ele tem um bom timing para dar tocos ou pegar rebotes.

Jeremy Roach (Paul VI Catholic H.S/VA)

Roach é um dos atletas mais completos nos fundamentos desse time. Procura fazer o simples e faz muito bem. É um líder em quadra e ajudou bastante a sua equipe na temporada que passou. Ele terminou com médias de 12.5 PPG, 4 RPG e 2.8 APG. Roach tem um bom arremesso de curta e média distância e busca bastante as infiltrações laterais. Tem um bom ball handling e faz belos crossovers.

Jalen Suggs (Minnehaha Academy H.S/MN)

Suggs é claramente um dos maiores scorers e playmakers desse time, ele terminou a última temporada com médias de 19.4 PPG, 5.7 RPG e 3.3 APG. Ele tem um ótimo body language e um condicionamento físico muito bom para um atleta que foi freshman na temporada que terminou.

Ele distribui bem as jogadas e tem uma ótima visão de jogo. Ele facilmente poderia estar na primeira posição desse ranking.

Isaiah Todd (John Marshall H.S/VA)

É um power foward que possui a habilidade de finalizar bem as jogadas com as duas mãos e assume o papel de scorer quando o time precisa. Tem boa mobilidade em quadra e se sai bem contra atletas mais forte do que ele.

Romeo Weens (New Haven H.S/Mich)

Weens é tratado como um grande fenômeno nos Estados Unidos e essa convocação deve ajudar ele evoluir cada vez mais. É um atleta que é ágil e pontua bem, normalmente não arrisca em jogadas mirabolantes. Faz o simples no ataque e é consistente na defesa. Tem um bom timing e é um hedge-and-recover.

James Wiseman (The Ensworth School/Tenn)

Wiseman trabalha muito bem no garrafão, sendo no high post ou no low post. Usa muito bem a sua envergadura para pontuar ou proteger o aro na defesa. Tem um bom timing e fica confortável para pontuar do mid-range.

 

 

%d blogueiros gostam disto: