Guia da Euroleague Women 16/17: Tango Bourges Basket

Girando para França vamos analisar agora uma das mais famosas e antigas equipes na competição da EuroLeague Women, a Tango Bourges Basket que tem como habito seu  local no torneio.

tango-bourges-basket_2305242Equipe: Tango Bourges Basket

País de origem: França

GM: Pierre Fosset

Técnico: Valerie Garnier

Site: http://basket.ugmk.com/en/

Na última temporada: Foi uma campanha histórica como Tango Bourges começou na EuroLeague Women, mas, em seguida, depois de cair abaixo dos seus elevados padrões habituais, foi parar na EuroCup Women. No entanto, parece que elas se acertaram, fazendo uma corrida até a final e conquistaram a EuroCup Women, vencendo-a pela primeira vez e tornando o fato mais doce.

w2014-2015bourges

Elenco: Enquanto algumas jogadoras de alto perfil deixaram a equipe, ainda restaram algumas para dar continuidade razoável, várias jogadoras francesas restaram a bordo, incluindo o trio de armadoras Paoline Salagnac, Ingrid Tanqueray e Sara Chevaugeon. Diandra Tchatchouang que perdeu a última temporada devido a uma lesão retorna e Ana-Maria Filip também.

A única jogadora não-francês que retornar nesta temporada é a inglesa Johannah Leedham, que jogará sua quinta temporada pela equipe. Chegam novas caras como a armadora habilidosa Marine Johannes, que conseguiu uma vaga olímpica inesperada, e a jovem Alexia Chartereau que foi MVP do Campeonato Europeu de 2016.

Miljana Bojovic chega para o vazio deixado por Celine Dumerc, enquanto a canadense Kayla Alexander e brasileira Clarissa dos Santos irão preencher as lacunas deixadas por Danielle Page e Helena Ciak.

bef60

Jogadora-chave: Ninguém mais do que Leedham, que apesar de não ser francesa assumiu o posto de capitão deixado por Dumerc, que tem a confiança total da treinadora Valerie Garnier.

Além de sua pontuação, rebotes e que demonstram sua competência, agora ela pode assinalar a caixa de liderança em letras grande, pois será essencial para a equipe nesta temporada.

Fator X: Será que Marine Johannes pode apresentar uma bom jogo em sua primeira temporada na EuroLeague Women? Bem, se ela apresentar o que jogou na Rio2016 isso será alguma coisa, ela poderia fazer uma diferença em sua temporada de estreia. Ela joga sem medo e esta sempre à beira de produzir brilho. Embora algumas vezes nem flash faça, parece que vai prosperar e se fizer isso, então ela poderia ajudar a transformar a equipe do Bourges durante o que será uma espécie de transição.

Estatísticas de ataque: Na temporada 2016-17 a equipe do Bourges tem média de 67,7 pontos por partida, 35,3 rebotes e 17,7 assistências. Com um percentual de 45,1 por cento dos arremessos de quadra e 38,1 de bolas de 3 pontos.

Mantendo a metade de sua equipe, mas também sofrendo algumas perdas chaves deixou a equipe do Tango Bourges um pouco exposta e menos sólida do que nos anos anteriores. No entanto, esse potencial de vulnerabilidade também poderia acabar caminhando em outra direção e elas podem acabar prosperando devido à injeção de jovens talentos franceses, que parecem capazes de ajudar a equipe continuar a sua tradição.

A equipe do Tango Bourges estreia na EuroLeague Women dia 26 de outubro, na próxima quarta-feira, as 16h no horário de Brasilia contra a equipe francesa do ESBVA-LM, na arena Palacium em Villeneuve d’ Ascq. A partida pode ser assistida pelo canal da FIBA no YouTube.

%d blogueiros gostam disto: