Doc Rivers sobre DeAndre Jordan: “Ele é claramente o jogador defensivo do ano”

deandre-jordan-nba-playoffs-golden-state-warriors-los-angeles-clippers

A corrida em busca dos títulos individuais está disputadíssima, mas para Doc Rivers um destes prêmios já tem dono. Para ele DeAndre Jordan é o DPOY.

Jordan vem fazendo seu jogo sujo partida por partida, e domingo na vitória sobre o Chicago Bulls ele marcou 9 pontos, enquanto pegou 26 rebotes e distribuiu 2 tocos para ajudar o Los Angeles Clippers a vencer a sexta partida em oito jogos. Ele vem com uma média próxima a 15 rebotes por partida na atual temporada, e de 20,5 rebotes ao longo desses oito jogos, além de 17,3 pontos em 68,7% de chute, e 2,1 tocos.

O Big-Man foi deixado de fora do time da conferência oeste do ASG, porém um prêmio mais prestigiado deve estar a caminho no final da temporada, segundo seu treinador.

“Ele é claramente o jogador defensivo do ano”, disse Rivers, de acordo com Arash Markazi da ESPN. “Se qualquer outra pessoa receber esse prêmio, nós precisaremos abrir uma investigação… Se ele estivesse fazendo no ataque o que está fazendo na defesa, seria considerado MVP ou um deles, mas porque é defesa, ninguém percebe.”

O Clippers não perdeu a batida depois que Blake Griffin parou por uma cirurgia no cotovelo, tendo um histórico de 6V-3D e muito por conta de Jordan.

Ele ocupa a primeira posição em FG% em quadra (72,0) e rebotes por jogo (14,4), e é o terceiro em bloqueios (2,3). Apenas seis jogadores desde 1985/86 tiveram médias melhores de rebotes por uma temporada inteira. Seu percentual Field Goal é Tão impressionante que é simplesmente o segundo melhor da história da NBA numa temporada regular.

O jogador de 26 anos está permitindo 99 pontos por 100 posses, a segunda melhor marca de sua carreira e uma classificação TOP – 10 na liga nesta temporada. Seus 3,7 Defensive Wins ocupam o segundo lugar da liga, e é o melhor entre os Bigs, catapultando o seu valor global e fazendo dele um dos jogadores mais valiosos da NBA.

All-Star e companheiro de equipe, Chris Paul disse que não há ninguém na liga como DeAndre.

“Há momentos em que eu tenho que sentar para trás e perceber que eu dificilmente ganho um jogo sem ele. Por isso que acredito e confio nele. Eu não poderia imaginar jogar sem ele. Não há ninguém na liga como ele.”

Agora é aguardar o resultado para sabermos para quem vai o Defensive Player Of The Year.

%d blogueiros gostam disto: