Grizzlies vence o Nets e segue na caça ao Warriors

grizzlies_nets

O Memphis Grizzlies (39-13) venceu o Brooklyn Nets (21-31) por 95 x 86, diante de 16.901 torcedores no sempre empolgante FeDex Forum. A franquia do Tennessee se consolida na segunda colocação do Oeste e segue mirando o líder Golden State Warriors. O jogo marcou o retorno do treinador Lionel Hollins a Memphis, ovacionado pela fanática torcida dos conterrâneos de Elvis Presley.

Com um box score bem distribuído, o Grizzlies teve mais uma consistente atuação da que para muitos é a melhor dupla de área pintada da Liga. Marc Gasol combinou 14 pontos e 11 rebotes, enquanto seu companheiro Zach Randolph somou 19 pontos, reboteando em oito oportunidades. Ambos foram bem escorados pelo trio de ex-jogadores do Boston Celtics, composto por Jeff Green (11 pts, 3 ast), Courtney Lee (15 pts, 3 ast) e Tony Allen (12 pts, 5 rbt, 4 ast). Importante frisar que além do garrafão, a forte marcação de perímetro imposta pelo treinador David Jorger limitou o oponente mais uma vez a menos de 90 pontos.

Pelo lado nova-iorquino, que segue fora da zona dos playoffs do Leste, ainda que a diferença para o Charlotte Hornets seja de apenas uma partida, o destaque maior ficou por conta do segundanista Mason Plumlee, que conjugou 15 pontos e 14 rebotes. Joe Johnson somou 11 pontos, oito assistências e quatro rebotes, mas cometeu cinco desperdícios de posse, enquanto o contestado Alan Anderson marcou 15 pontos e apanhou quatro rebotes. Em meio aos rumores de venda da franquia e com contratos gordos e longos, o Nets ainda vive o dilema de um futuro nebuloso, já que as escolhas de primeira rodada de 2016 e 2018 foram cedidas ao Celtics (integralmente desprotegidas), além de um swap com a franquia de Massachussets para 2017, também de primeira rodada.

Após uma acachapante vitória por 32 x 15 no período inicial, coube ao Grizzlies fazer o que sabe de melhor, que é administrar o jogo, minando o oponente com uma insana e concentrada defesa. Brooklyn até teve bons momentos, mas nada que ameaçasse o triunfo de Memphis.

O Grizzlies tem um perigoso back-to-back contra o Thunder em Oklahoma City, no jogo mais aguardado da noite de hoje. Já o Nets terá um descanso de dez dias até o próximo compromisso, quando visitará o Lakers no Staples Center.

 

%d blogueiros gostam disto: