No embalo do DJ, Pistons mira a pós-temporada

pistons_heat

Em duelo direto pelas vagas finais nos playoffs da Conferência Leste, o Detroit Pistons (19-30) venceu o Miami Heat (21-27) por 108 x 91, diante de 12.768 espectadores no Palace of Auburn Hills. O detalhe é que com uma impressionante corrida de 25 x 1 já no primeiro quarto, a franquia de Michigan fechou o período inicial em 33 x 12, basicamente precisando apenas admnistrar o restante do jogo para consolidar a vitória.

O grande destaque do Pistons foi o armador DJ Augustin, que com uma combinação de 25 pontos e 13 assistências, liderou os comandados de Van Gundy. Cumpre dizer das excelentes médias de Augustin (21,8 pts / 9,2 ast) após ser alçado à titularidade em virtude da lesão de Brandon Jennings, que rompeu o tendão de Aquiles. Todos o quinteto titular de Detroit marcou ao menos dez pontos, com menções para Andre Drummond (14 pontos e igual número de rebotes) e para o segundanista Kentavious Caldwell-Pope, que conjugou 18 pontos, quatro rebotes e três roubos de bola.

Já pelo lado do Heat, atuação muito boa de Chris Bosh, cestinha da partida com 34 pontos. A sensação Hassan Whiteside obteve um duplo-duplo, com 11 pontos e dez rebotes, além de cinco tocos. Vindo do banco, Chris Andersen tentou atenuar o prejuízo, com 12 pontos e cinco rebotes para o Birdman. No momento, Heat e Charlotte Hornets seriam os últimos classificados do lado direito do mapa, exatamente com as mesmas campanhas.

As duas franquias vivenciarão um back-to-back nesta quarta, ambas fora de casa. O Heat viaja até Minnesota, enquanto o Pistons segue na luta pela pós-temporada, visitando o Indiana Pacers.

%d blogueiros gostam disto: