A magia das arquibancadas do NBB

TimeOut Brasil 7

Além das famílias que acompanham o NBB, tem também os torcedores que gostam de ir aos seus ginásios para efetivamente torcer pela sua equipe. É daí que um tradicional costume do futebol invadiu as quadras do Novo Basquete Brasil. Estamos falando das torcidas organizadas.

Aquele grupo de pessoas que usam uma mesma camiseta personalizada nos jogos, que cantam músicas de incentivo ao time que eles mesmos criaram, aquele grupo que roda o seu estado inteiro atrás da sua equipe não importa se for para vê-la perder ou ganhar, ele só quer estar presente em todas as batalhas e ajudar os seus heróis que estão dentro de quadra.

Está cada vez mais comuns, vermos bandeirões se levantando entre os torcedores em um jogo da NBB, a energia das arquibancadas está cada vez melhor, as vozes dos ginásios estão mais felizes, as palmas, os gritos, tem de tudo nas torcidas do basquete brasileiro. E isso tudo é por conta dos 30, 40 torcedores que estão ali vestindo suas cores e incentivando cerca de 3, 4 mil vozes cantarem junto com eles.

Nos jogos do Mogi Basquete, 5 mil pessoas seguem as duas organizadas que lá residem, são elas a ”Fanáticos Mogi”, e a ”Fúria Mogi”. No ginásio do São José, a torcida ”Panico” faz um show a parte com a linda bandeira em forma de águia sobrevoando os seus integrantes. Ou os ”Loucos da Central” de Bauru, que foram até Fortaleza marcar presença em jogos contra o Basquete Cearense que se encontra mais afastado das demais equipes. E não podemos deixar de falar das várias torcidas do Flamengo, que mostraram para o Brasil que não importa a modalidade esportiva, elas sempre estarão ao lado do rubro-negro carioca, assim como a Mancha Verde que marca presença em todos os jogos do Palmeiras no NBB.

E se você acha que as torcidas organizadas do basquete são iguais as de futebol, e sempre se metem em confusão, você está enganado. Pois quem acompanha o Novo Basquete Brasil, está cansado de ver fotos em que duas torcidas rivais se reúnem para marcar o momento em que suas equipes se enfrentaram, ou mesmo fazendo trocas de camisas, e selando parcerias para lutar por um basquete melhor para todos.

Se você ainda não sabe do que estamos falando, não perca tempo, procure a equipe mais próxima de você, e veja com seus próprios olhos, a magia das torcidas do NBB.

%d blogueiros gostam disto: