God save the Knicks

bucks_knicks

O NBA Global Games esteve nesta quinta-feira em Londres, para um jogo da temporada regular entre o promissor Milwaukee Bucks (21-19) e o destruído New York Knicks (5-36) que às voltas com uma agressiva reconstrução, atingiu a trágica marca de dezesseis derrotas em fileira. A partida aconteceu na moderníssima O2 Arena, palco dentre outros megaeventos, do ATP Finals e do Campeonato Europeu de Ginástica Artística, com a presença de 18.689 espectadores.

Os comandados de Jason Kidd dominaram o primeiro quarto, com uma respeitável parcial de 31 x 13 (o Knicks errou seus dez primeiros arremessos de quadra), e basicamente administraram o restante do jogo, perdendo apenas o último período quando ambos os treinadores concederam tempo de quadra para os reservas. A franquia de Wisconsin caminha a passo largos para a pós-temporada, após ter tido a pior campanha da Liga no ano passado.

O Bucks teve na dupla Giannis Antetokounmpo/Brandon Knight mais uma vez seu grande diferencial: O grego marcou 16 pontos e apanhou cinco rebotes, enquanto o armador contribuiu com 20 pontos, seis assistências e consideráveis seis roubos de bola. Zaza Pachulia teve um duplo-duplo (11 pts / 14 rbt), enquanto oriundo do banco do reservas, o ala O.J. Mayo adicionou 22 pontos ao placar do time.

Já pelos lados do Knicks, um dado espantoso: três titulares acabaram o jogo zerados em pontos (Jason Smith, Amar´e Stoudemire e Shane Larkin), algo extremamente raro e acontecer numa liga como a NBA. Voltando a atuar (muitos dizem que apenas pelo jogo ser um Global Game), Carmelo Anthony anotou 25 pontos, roubou três bolas, mas cometeu oito turnovers. Travis Wear veio do banco de reservas e aproveitou bem o momento garbage, marcando 13 pontos e distribuindo quatro passes para cestas.

O rebuilding nova-iorquino é liderado por um gênio como Phil Jackson, mas determinadas sequências negativas são indeléveis e injustificáveis. O New York Knicks precisa voltar a vencer, lembrando que a franquia perdeu 26 das últimas 27 partidas.

Cruzando o Atlântico, as equipes jogam apenas na próxima segunda-feira, nos seus respectivos ginásios, com o Bucks recebendo o Toronto Raptors e o Knicks hospedando o New Orleans Pelicans.

 

%d blogueiros gostam disto: