Um Bledshow no deserto coloca o Suns na zona dos playoffs

suns_mavericks

A disputa pelo oitavo lugar na Conferência Oeste está realmente emocionante e com sucessivas trocas no último posto para o playoffs. No momento, a cobiçada vaga é ocupada pelo Phoenix Suns (16-14), que na noite de ontem bateu o Dallas Mavericks (20-10) por 124 x 115, para delírio dos 18.055 presentes ao US Airways Center.

Após um primeiro quarto bastante equilibrado, o Suns fez uma boa segunda parcial, indo para o intervalo com oito pontos de vantagem (53-48). Logo no início do terceiro período, o Mavs ameaçou empatar, reduzindo a diferença para quatro pontos (52 x 56), antes de uma corrida de 16-4 dos comandados de Jeff Hornacek, o que praticamente sacramentou o triunfo. Apesar dos 41 pontos no quarto final, o Dallas não mais conseguiu ameaçar a vitória do adversário, que apenas administrou o resultado.

O destaque absoluto da partida fica por conta do triplo-duplo obtido pelo ala-armador Eric Bledsoe, seu segundo na carreira. O jogador, que reassinou com a franquia do Arizona após uma pequena novela na pré-temporada, anotou 16 pontos, deu 11 assistências e apanhou dez rebotes. Seu companheiro de perímetro Goran Dragic, recentemente alvo de especulações ligando-o ao New York Knicks, foi o cestinha da partida com 25 pontos, enquanto o ucraniano Alex Len segue mostrando evolução, com 17 pontos (dois abaixo de seu recorde pessoal) e sete rebotes. Oriundo do banco, o ala Gerald Green adicionou 22 pontos ao placar do Suns.

Pelo lado do Mavericks, que está 1-2 após a aquisição de Rajon Rondo (13 pts, 8 ast, 6 rbt e 5 TO na noite de ontem), o destaque foi o pivô Tyson Chandler, estranhamente marcando 22 pontos, além de buscar 14 rebotes, sendo seis desses no ataque. O alemão Dirk Nowitzki marcou os mesmos 22 pontos do companheiro de garrafão, enquanto Monta Ellis teve um aproveitamento ruim nos tiros de quadra (5-17), finalizando a partida com 15 pontos e seis assistências. O último integrante do quinteto, Chandler Parsons, teve uma jornada para esquecer, com apenas sete pontos e seis desperdícios de bola.

Ambas as franquias não estão escaladas para atuar no Natal, mas jogam no dia seguinte ao feriado. O Suns tem um confronto direto pelos playoffs, indo à capital californiana para encarar DeMarcus Cousins e o Kings. Já o Mavericks terá que buscar a recuperação, hospedando um irregular Los Angeles Lakers.

%d blogueiros gostam disto: