All Around: Chutes da Temporada 2014/2015

San Antonio Spurs

Quantas vezes algum torcedor não foi pego brincando de Mãe Diná, tentando adivinhar o que vai acontecer na temporada da NBA:. Sim, a grande maioria dos torcedores tenta prever o futuro do maior campeonato de basquete do mundo. Até por isso os sites e blogs especializados adoram elaborar os famosos “Previews da Temporada”, como fizemos neste aqui neste espaço.

Pensando nisso que o TimeOut Brasil resolveu fazer todo início de temporada os “Chutes da Temporada”, sendo que teremos convidados de outros blogs, além de parte de nossos especialistas, analisando por critérios técnicos e/ou pelo “achismo” o que vai acontecer na temporada, palpitando sobre determinados tópicos.

Tentando fugir de modelos engessados, não palpitaremos sobre quem vai ser o MVP ou DPOY. Confira os tópicos que usaremos logo abaixo:

Equipe surpresa – Neste assunto os nossos convidados palpitarão qual será a equipe que surpreenderá a todos com uma boa campanha quando ninguém esperava, tal como aconteceu com o Toronto Raptors e o Phoenix Suns na última temporada.

Equipe decepção – Neste tópico será abordado qual equipe terá uma temporada decepcionante quando muito se esperava dela, como aconteceu com o New York Knicks na última temporada, ou como foi com o Los Angeles Lakers de Dwight Howard e Steve Nash.

Meu tempo se foi – Neste ponto será analisado qual jogador fará uma temporada bem ruim, mas que teve uma carreira brilhante, como Kevin Garnett última temporada.

Temporada intrigante – Jogador que fará uma temporada intrigante, mas que só tinha uma carreira mediana até então, como Goran Dragic na última temporada.

Equipe “bichada” – Aquela equipe vai ter o azar de contundir boa parcela dos seus jogadores e por causa disso irá fazer uma campanha abaixo do esperado.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? – Vamos ver até onde vai o tank do Sixers? Não vale chutar mais que 30 vitórias. Pela diretoria eles passariam a campanha zerados, mas isso deve ser quase impossível. Será que nos provarão o contrário?

Contratação furada da FA – Jogador que era agente livre e fará uma temporada abaixo do esperado.

Nossos “chutadores” de plantão são Fábio Balassiano, do Bala na Cesta; Lucas Pastore, do Spurs Brasil e Lancenet; Luís Araújo, do Triple Double; além de nossos colunistas/colaboradores Bruno Benson, Leandro Schultz, Antônio Silva, Thiago Matos, Diego Rodrigues, Gabriel Andrade, Danilo Jeolás e Bernardo Resende. Vamos aos chutes:

Fábio Balassiano:

Equipe surpresa – New Orleans Pelicans. É um time reconhecidamente talentoso, com um potencial fenomental em Anthony Davis. As limitações físicas acabaram atrapalhando o time na temporada passada. Caso consigam se manter saudáveis, os Pelicans, agora com Omer Asik no pivô, podem surpreender.

Equipe decepção – Sacramento Kings. É o mesmo caso dos últimos 10, 15 anos. Time talentoso, estrelas jovens e um punhado de confusão dentro do elenco. Sua estrela maior, DeMarcus Cousins, é um maluco de pedra e arruma problema muito rápido. Dá até tristeza, porque o elenco é bom.
Meu tempo se foi – Steve Nash. Se machucou nas costas enquanto apanhava uma mala. A contusão seria aceitável para seu avô. Para um jogador de basquete…
Temporada intrigante – Jonas Valanciunas. Foi bem no Mundial, voltou mais forte e mais rápido e pode se beneficiar da marcação focada em Kyle Lowry e DeMar DeRozan no perímetro.
Equipe “bichada” – Lakers. Com um jogo, 2 jogadores fora da temporada – o mais velho, Steve Nash, e o mais novo, o calouro Julius Randle. Enterraram algo no Staples Center e está difícil de tirar a zica de lá.
Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? – 25 vitórias.
Contratação furada da FA – James Jones. É amigo do LeBron, mas o cara não consegue produzir muita coisa. Veio por pouca grana, mas não joga bem há tempos.
 Lucas Pastore:
 Equipe surpresa – New Orleans Pelicans. A defesa de garrafão da equipe está um absurdo, o perímetro com Jrue Holiday, Eric Gordon e Tyreke Evans empolga e a experiência com Ryan Anderson na posição 3 funcionou neste começo de temporada. E Anthony Davis é um monstro…

Equipe decepção – Brooklyn Nets. Um timaço no papel, mas que não consegue encaixar e criar aquela “casca grossa” de time de Playoffs.

Meu tempo se foi – Samuel Dalembert. Não consegue ser mais o âncora defensivo que foi em seu auge e deve logo logo perder a vaga no quinteto titular do New York Knicks para Jason Smith.

Temporada intrigante – Terrence Ross. Finalmente jogará uma temporada completa como titular e tem tudo para impressionar com seu atleticismo – principalmente se seu bonito arremesso de longa distância começar a ser, também, eficiente.

Equipe “bichada” – Los Angeles Lakers. O time tem muitos veteranos e pouca motivação. A combinação deve levar a equipe a sofrer muito com lesões ao longo da temporada.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? – 14

Contratação furada da FA – Carlos Boozer. Não conseguiu ser confiável nem no Bulls, que tinha muito mais time. Agora, então, no Lakers…

 Luís Araújo:

Equipe surpresa – Denver Nuggets. Não é muita gente que espera algo deles nesta temporada, depois da melancólica campanha no último ano. Mas Nate Robinson e Danilo Gallinari estão de volta, depois de terem se recuperado de lesões. Além da dupla, o elenco conta novamente com o ótimo Arron Afflalo, que veio de Orlando atravessando a melhor fase da carreira.

Equipe decepção – Houston Rockets. Vai para os playoffs, é claro. Mas vai mostrar mais uma vez que, mesmo tendo duas estrelas de primeiro escalão no elenco, não tem força para brigar com as maiores potências do Oeste.

Meu tempo se foi – Paul Pierce. O pessoal em Washington vai sentir uma falta danada de Trevor Ariza.

Temporada intrigante – Steven Adams. Não que será brilhante. Mas, com a titularidade já conquistada no Oklahoma City Thunder, tem tudo para se consolidar entre os pivôs mais competentes da liga.

Equipe “bichada” – Oklahoma City Thunder. Já começou sem Kevin Durant. Agora, Russell Westbrook é a baixa. Tudo bem que eles voltam em, no máximo, dois meses. Mas já será tempo suficiente para comprometer a campanha em um Oeste tão feroz.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? – Não passa de 20.

Contratação furada da FA – Rodney Stuckey. Quem tem a esperança de vê-lo como salvador da pátria no Indiana Pacers vai quebrar a cara.

Thiago Matos:

Equipe surpresa Washington Wizards. Possuem um quinteto invejável e para mim é um candidato fortíssimo ao título da Conferência Leste.

Equipe decepção Brooklyn Nets. Com saída de Paul Pierce e as constantes contusões de Brook Lopez, não vejo a equipe chegando aos Playoffs nesta temporada.

Meu tempo se foi Até sinto vontade de chorar quando vejo quão bom foi o Kevin Garnett e como ele está jogando atualmente. Aquele jogador vibrante e cheio de vontade não tem mais condições de jogar em alto nível. Triste ver alguém vencido pelas lesões.

Temporada intrigante Alec Burks tem tudo para sair do anonimato e assumir de vez o posto de titular no Utah Jazz.

Equipe “bichada” Pensei que existissem coisas que apenas aconteceriam com o Pacers, mas fiquei com muita pena do que está acontecendo com o Thunder, depois de Durant, agora a lesão de Westbrook. Até o Morrow… É muito problema para um candidato ao título.

Quantas vitórias o Philadelpha 76ers vai conquistar na temporada? – Eles lutarão para conseguir umas 5 vitórias, contudo, isso é praticamente impossível, logo devem conseguir no máximo umas 12 vitórias. Time muito ruim mesmo.

Contratação furada da FA – Jodie Meeks. Ele até é um bom jogador, mas o contrato que recebeu do Pistons é muito além do que deveria receber. Acredito que a diretoria do Pistons esperam dele um jogador que duvido muito que ele possa ser.

Bruno Benson:

Equipe surpresa – Denver Nuggets. A franquia tem tudo para fazer uma grande campanha na Conferência Oeste. O time possui grande potencial no garrafão, com jogadores atléticos e dois players em franca acensão que é o caso de Timofez Mozgov e Kenneth Faried. Se as previsões se confirmarem, brigarão pela oitava vaga do oeste ao lado do Memphis Grizzlies.

Equipe decepção –  Houston Rockets. Na minha opinião, a franquia não passa da primeira rodada dos playoffs. É evidente que o time passa por problemas internos envolvendo os egos de James Harden e Dwight Howard, o que deverá ser decisivo para que a equipe não consiga seus objetivos na pós-temporada.

Meu tempo se foi – Amar’e Stoudemire –  Apesar de ter apenas 31 anos, o pivô de brilhante passagem pelo Phoenix Suns, cujo contrato é o segundo melhor da NBA, não apresenta mais perigo ao adversário, nem consegue ser dominante quanto antes devido as lesões, será dispensado na próxima FA devido ao contrato robusto e supervalorizado. Seu tempo acabou.

Temporada intrigante – DJ Augustin, armador draftado na nona colocação pelo Charlotte Hornets em 2008, nunca conseguiu se firmar na NBA. Até que na temporada 2013-2014, com a lesão de Derrick Rose, foi contratado Pelo Chicago Bulls e teve o melhor desempenho da carreira. DJ foi dispensado pela equipe da cidade dos ventos, e assinou com o Detroit Pistons. O jogador de 27 anos tem tudo para tomar a titularidade de Brandon Jennings e se consolidar como um excelente armador.

Equipe “bichada” – Poderia citar o Indiana Pacers sem pestanejar, mas citarei o Oklahoma City Thunder. Se não bastasse ter perdido o MVP da última temporada devido a uma fratura no pé direito, a equipe do “trovão” ficou sem Russell Westbrook por conta de uma lesão na mão. Diante dos fatos, a equipe de Oklahoma corre um sério risco de perder o mando de quadra, ou na pior das hipóteses, ficar de fora da pós-temporada, o que seria catastrófico para as pretensões da franquia.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? 10 vitórias.

Contratação furada da FA – Carlos Boozer. Muito inconstante, apesar de ter um bom arremesso da média distância. Costuma sumir da partida e defende mal. Não consegue ser o all-star que já foi um dia.

Antônio Silva:

Equipe Surpresa New Orleans Pelicans. Eles amadureceram e com a aquisição do turco Omer Asik, tem tudo para ir longe nessa temporada.

Equipe Decepção Los Angeles Lakers vão decepcionar seus torcedores. Contrataram o inconstante Jeremy Lin, além do único jogador de mais renome do Lakers ser Kobe Bryant. Possui limitado, tendo grandes chances de ser a decepção do ano.

Meu tempo se foi Kevin Garnett fará mais uma temporada ruim no Nets. Depois que ele saiu dos Celtics, a carreira do Big Ticket só anda caindo.

Temporada Intrigante Omer Asik. Ele foi preterido pelo Houston Rockets e assinou com o Pelicans. Junto com Anthony Davis, seu jogo deve evoluir.

Equipe “Bichada” Oklahoma City Thunder. Já está com o departamento médico cheio com Kevin Durant e companhia. Como desgraça pouco é bobagem, perderam Westbrook por 2 meses. A bruxa está solta no Oklahoma!

Quantas Vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? – Sixers está com o pior elenco. Não passam de 15 vitórias nessa campanha. Meu palpite é 14 vitórias para a equipe de Michael Carter-Williams.

Contratação Furada da FA – O Dallas Mavericks trouxe o veterano Richard Jefferson, sendo que o elenco já possui o jovem Jae Crowder, que é um bom prospecto. Jefferson deverá decepcionar os torcedores do Dallas.

Leandro Schultz:

Equipe surpresa New Orleans Pelicans. Acho que o Pelicans fará uma boa temporada impulsionados pela (continuação da) plena evolução do seu franchise player Anthony Davis, seu armador all-star Jrue Holiday e um ótimo quinteto titular. O que pode pesar para a não ida aos Playoffs é a falta de profundidade no seu elenco (único bom reserva é Ryan Anderson) e isso pode pesar em uma possível disputa com Nuggets, Grizzlies, Mavericks e Rockets no fortíssimo Oeste.

Equipe decepção Dallas Mavericks. Pelo simples fato de ter feito grandes movimentações na offseason. Isso cheira a fracasso.

Meu tempo se foi David West. A idade chega para todo mundo. Acho que está chegando para West.

Temporada intrigante Jared Sullinger. Parece que ele já está livre do problema nas costas e finalmente vá estourar como era esperado antes de entrar na liga. Menção honrosa: Jonas Valanciunas, já está na hora de mostrar a que veio.

Equipe “bichada” Brooklyn Nets. Brook Lopez tem cheiro de hospital, Kevin Garnett sente os problemas físicos da idade, Deron Williams e Joe Johnson estão longe de serem jogadores totalmente saudáveis. (Poderia dizer Thunder ou Pacers, mas isso já é um fato).

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? 24 vitórias.

Contratação furada da FA Chandler Parsons – não é uma contratação furada, até porque Parsons é bom jogador, mas é inegável que seu contrato é overpaid.

Diego Rodrigues:

Equipe surpresa Miami Heat. Digo surpresa não por acreditar que o Miami irá aos Playoffs, pois certamente irão. Contudo a surpresa fica com o que eles farão nos Playoffs. Acredito que o Heat irá as finais de sua conferência, ou bem perto disso.

Equipe decepção Cleveland Cavaliers. A equipe badalada e favorita, mas que para mim não dará certo em sua primeira temporada. A decepção ficará com uma eliminação precoce e ainda por não se classificar em primeiro em sua conferência.

Meu tempo se foi Paul Pierce. Irá seguir seus antigos e campeões companheiros KG e Ray Allen, que deveriam ter se aposentado já.

Temporada intrigante Klay Thompson. Deverá ser considerado um all star até o final da temporada

Equipe “bichada” –  Não tem como não citar o Oklahoma City Thunder, que tem suas duas principais estrelas no departamento médico. Espero não ter mais surpresas, mas a bruxa que está morando em Oklahoma parece gostar dos seus feitos.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? – 20  vitórias, mas Nerlens Noel pode mudar essa previsão.

Contratação furada da FA – Carlos Boozer. Não foi uma contratação estrondosa, mas o Lakers poderia ter continuado com seus pivôs sem precisar do americano.

Gabriel Andrade:

Equipe surpresa – Denver Nuggets. Possui um dos elencos mais profundos da NBA. Além disso, contam com um cara que joga com uma “raça” invejável em Kenneth Faried. O baixinho Ty Lawson é um dos armadores que melhor trabalham o pick and roll na NBA. O Oeste é feroz, mas existe talento no Colorado.

Equipe decepção Charlotte Hornets. A equipe até que buscou se reforçar, trazendo o imprevisível Lance Stephenson, mas perdendo boa parte de seus arremessadores. O Leste está mais forte, qualquer deslize pode representar fracasso.

Meu tempo se foi Andrei Kirilenko. Foi um dos poucos jogadores da história a ter feito um five-by-five, dada sua versatilidade. AK47 tinha uma capacidade defensiva impressionante, além de ir bem no ataque, mas não consegue mais acertar seus arremessos com consistência (nem em lances livres). Não defende como antes e vem em queda exponencial. Deveria voltar para a Europa.

Temporada intrigante Jonas Valanciunas. O lituano colecionou prêmios nos torneios de base e foi muito bem no mundial. Vem em constante evolução e possui ferramentas no ataque e na defesa. Deverá e precisa ser parte importante do crescimento do Toronto Raptors para as próximas campanhas.

Equipe “bichada” –  Oklahoma City Thunder. Quase um time inteiro machucado, sendo que sua principal peça ofensiva se tornou Perry Jones III, enquanto Westbrook e Durant não voltam. Isso é motivo de extrema preocupação, ainda mais no Oeste.Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? – 13 vitórias, mas farão esforços para ganhar menos que isso.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? 18 vitórias, terão que disfarçar pois as críticas estão pesadas.

Contratação furada da FA Ben Gordon. Não consigo entender o que o Orlando Magic quer com um jogador que não joga basquete de verdade há anos, ainda mais em uma franquia em reconstrução.

 Bernardo Resende:

Equipe surpresa Golden State Warriors. Possuem talento de sobra e um dos melhores quintetos da liga. Stephen Curry está cada vez mais próximo do título.

Equipe Decepção Oklahoma City Thunder. Muitas contusões em um ataque já estagnado que dependerá de jogadores sem muitos recursos ofensivos. Terá que ganhar jogos a base de defesa, algo bem improvável.

Meu tempo se foi Steve Nash. Não deve voltar a jogar mais. Um final de carreira triste para um atleta excepcional.

Temporada intrigante Klay Thompson. Arremessador incrível em constante evolução. Tem tudo para brigar pelo prêmio de MIP.

Equipe “bichada”  Indiana Pacers. Quando seu ataque começa a depender de Donald Sloan e Roy Hibbert as coisas começam a ficar preocupantes.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada?  16 vitórias.

Contratação furada da FA Steve Blake. Jogador apenas razoável e que não deve substituir Mo Williams como a diretoria esperava.

Danilo Jeolás:

Equipe surpresa Washington Wizards – Wall e Beal se entendem muito bem e a franquia terá a evolução de Otto Porter. No garrafão, Nenê e Gortat estão bem mais maduros e prontos para a guerra debaixo da cesta. Na pós-temporada, terão a capacidade de decisão de Paul Pierce. E acima de tudo estão no Leste, sabidamente mais fraco.

Equipe decepção Los Angeles Clippers. Farão brilhante campanha na temporada regular e naufragarão nos playoffs. Mais uma vez, faltará culhão decisório para os ótimos Griffin e Paul.

Meu tempo se foi Gerald Wallace – Não agrega nem defensivamente mais. Contrato pesadíssimo e pouca minutagem.

Temporada intrigante Alec Burks – Mais maduro, como todo o time do Jazz e bem alinhado com seu quase xará Burke. Candidatíssimo a MIP nesta temporada.

Equipe “bichada” Indiana Pacers – Bruxa está solta na capital das corridas de automóveis. Continuando assim, Larry Bird deve atuar nos jogos finais da temporada regular.

Quantas vitórias o Philadelphia 76ers vai conquistar na temporada? 18 vitórias, terão que disfarçar pois as críticas estão pesadas.

Contratação furada da FA Jodie Meeks. Além das contusões, não parece ter o QI necessário para entender o jogo de Van Gundy, principalmente com a correria do baixinho que vai acompanhá-lo no perímetro, seja Jennings ou Augustin.

Concordam? Não deixem de comentar!

%d blogueiros gostam disto: