Paul Pierce ainda não suporta Lebron James e outros inimigos da Conferência Leste

653New Look NBA Basketball

O jogo de abertura de temporada regular para o Wizards em Miami na quarta-feira, vai exigir ao veterano Paul Pierce ficar acordado até mais tarde que o habitual. O jogador de 37 anos discutiu seus novos hábitos de sono, e lamentou os tempos passados, quando os jogadores da NBA realmente não gostavam um dos outros, durante uma aparição no programa Mike & Mike, da Rádio ESPN, na terça-feira.

“Você definitivamente tem que descansar mais como um jogador mais velho do que quando era mais novo”, disse Pierce. “Você é jovem, cheio de energia, você sai até tarde, assiste filmes ou sai com seus amigos. Agora, eu estou na cama, às 9 horas. Eu tenho três filhos lindos que me desgastam quando eu chego em casa depois dos treinos. Eu acho que é uma coisa boa, então eu sou capaz de conseguir meu descanso.”

Ficar na Conferência Leste poderá ser benéfico para os níveis de energia de Pierce nesta temporada. Pierce, que passou a última temporada no Nets, depois de jogar suas 15 primeiras temporadas no Celtics, quando todos imaginavam que iria se juntar à Doc Rivers, em Los Angeles, acabou por ficar em Washigton, onde jogará pelo Wizards.

“Não acho que o Leste seja tão forte quanto o Oeste, obviamente”, disse Pierce. “Mas eu sinto que seremos uma das três ou quatro melhores equipes da Conferência Leste, e não terei que jogar todas as noites, como na Conferência Oeste.”

Ficar no Leste também significa outro confronto potencial em playoffs com o velho inimigo Lebron James. Quando perguntado sobre seus pensamentos sobre jogadores que ajudam a orquestrar a criação de super equipes, como James fez em Miami com Dwyane Wade e Chris Bosh, e novamente nesta offseason em Cleveland com Kevin Love, Pierce discutiu a mudança de cultura da NBA.

“Esta é uma era diferente”, disse o ala. “Os caras estão jogando cada vez mais juntos, você vê mais amizades na liga. Não é como nos anos 80, quando você tinha inimigos, ou você não suportava outro cara, e haviam brigas o tempo todo. Esses caras, todos eles se dão bem. É uma nova geração. Todos querem jogar uns com os outros, todos querem ganhar. Eles estão sempre jogando juntos, nas ligas de verão, de modo que se conheçam ainda mais, eles se juntam e tentam ganhar um campeonato. É uma nova era que estamos vendo e esta é a forma como as coisas vão ser, nós só temos que aceitá-la.”

“Agora Paul, você é um pouco mais do velho, mesmo que esteja na nova era”, Chris Carter interrompeu. “…Você traz um pouco de fogo para Lebron e seus companheiros. Eu ouvi você dizer algumas coisas para Lebron.”

“Ainda não suporto nenhum desses caras”, disse Pierce. “Quero vencer todos eles.”

Pierce não está em Washigton para fazer amigos.  A sua pré-temporada já marca pela briga com Joakim Noah é uma indicação de que este deve ser um ano divertido.

%d blogueiros gostam disto: