Previsão da Temporada: San Antonio Spurs

Spurs

Equipe: San Antonio Spurs

Conferência: Oeste

Divisão: Sudoeste

Temporada 2013-14: 62V-20D, 1º na conferência Oeste

Playoffs: Campeão da NBA, derrotando o Miami Heat nas Finais.

 

Elenco (Até o momento)

Armadores: #9 Tony Parker / #8 Patty Mills / #5 Cory Joseph

Ala-armadores: #20 Manu Ginobili / #14 Danny Green / #3 Marco Belinelli

Alas: #2 Kawhi Leonard / #23 Austin Daye / #1 Kyle Anderson

Ala-pivôs: #21 Tim Duncan / #33 Boris Diaw / #15 Matt Bonner

Pivôs: #22 Tiago Splitter / #11 Jeff Ayres / #16 Aron Baynes

 

Treinador: Gregg Popovich.

GM: RC Buford.

Principal jogador: Tony Parker.

Quem pode surpreender: Kawhi Leonard. O ala do San Antonio Spurs foi simplesmente MVP das finais, vem arremessando muito bem e é excelente reboteiro para a posição. Não bastasse sua excelente defesa, vem atacando cada vez melhor, acertando mais de 50% dos arremessos de quadra, além de que seu jogo cresce bastante nos Playoffs.

Calouros: Kyle Anderson.

Quem chegou: Kyle Anderson.

Quem saiu: Todos os atletas que chegaram até o final da temporada com a equipe permaneceram.

Principal Contratação: Kyle Anderson (e única é bem verdade, se é que pode considerar como uma).

 

Destaques positivos: O Spurs é uma franquia que joga um basquete lindo de se ver. Cheio de passes, bloqueios e movimentações fora da bola, a equipe texana joga o melhor basquete da atualidade. Para manter esse basquete, conseguiu manter todos os seus jogadores, principalmente os desejados Boris Diaw e Patty Mills. Além disso trouxe o jogador que mais se encaixa no estilo da equipe no Draft, o calouro Kyle Anderson, legítimo point forward. A equipe ataca e defende bem, mas ainda se dá ao luxo de poupar seus principais jogadores, com uma rotação homogênea e cheia de opções, com excelentes arremessadores, infiltradores e pivôs que vão bem no pick-and-roll, sem contar os fundamentos de Tim Duncan.

Destaques negativos: É muito difícil achar um defeito no Spurs. Podemos forçar a barra falando da idade de seus craques, que estão em fase final de carreira, principalmente Duncan e Manu Ginobili, mas eles continuam rendendo em alto nível e sempre calam a boca de quem usa desse argumento. Tony Parker teve alguns problemas com contusão, logo seria importantíssimo ele se manter saudável para a equipe ir bem, lembrando que seu reserva Patty Mills, que fez uma excelente temporada, está machucado para o início da campanha. Cory Joseph ainda não provou ser um bom jogador e terá agora sua chance de se mostrar.

 

Resumo: O Spurs manteve seu elenco e o único resultado que é procurado é o título. A equipe é muito forte, tem opções em todos os setores e está muito entrosada, sendo que é desde já é a franquia favorita ao título da NBA ao lado do Cleveland Cavaliers, Chicago Bulls, Oklahama City Thunder e Los Angeles Clippers. Tim Duncan estará em sua provável última temporada e encerrar sua carreira com um título seria histórico e emocionante para um dos principais jogadores da história da NBA. A equipe do Texas continua sendo eficiente e deverá nos contemplar com mais um lindo basquete para uma longa temporada. O basquetebol agradece!

 

Previsão para a Temporada: 1º do Oeste com 62 V e 20 D

%d blogueiros gostam disto: