Previsão da Temporada: Phoenix Suns

Suns

Equipe: Phoenix Suns.

Conferência: Oeste.

Divisão: Pacífico.

Temporada 2013-14: 48V-34D, 9º na conferência Leste.

Playoffs: Não se classificou.

Elenco (Até o momento)

Armadores: #1 Goran Dragic / #2 Eric Bledsoe / #3 Isaiah Thomas / #4 Tyler Ennis

Ala-armadores: #10 Zoran Dragic / #20 Archie Goodwin

Alas: #14 Gerald Green/ #17 PJ Tucker / #12 TJ Warren / #43 Shavlik Randolph

Ala-pivôs: #11 Markieff Morris / #15 Marcus Morris / #40 Anthony Tolliver / #30 Earl Barron

Pivôs: #22 Miles Plumlee / #21 Alex Len

Treinador: Jeff Hornacek.

GM: Ryan McDonough.

Principal jogador: Goran Dragic.

Quem pode surpreender: Markieff Morris. Na temporada passada essa questão teria várias respostas no final, porque Goran Dragic, Eric Bledsoe, Gerald Gerald, PJ Tucker, Markieff Morris, Marcus Morris e Miles Plumlee surpreenderam. A equipe tinha um elenco mediano que jogou estupidamente bem, com todos os jogadores evoluindo. Mas para esta temporada, a tendência é que Markieff Morris, agora titular, consiga fazer ainda mais pontos vindos de seus arremessos do perímetro.

Calouros: TJ Warren, Tyler Ennis.

Quem chegou: Isaiah Thomas, Anthony Tolliver, Zoran Dragic e Earl Barron.

Quem saiu: Channing Frye, Ishmael Smith, Leandro Barbosa, Vyacheslav Kravtsov e Dionte Christmas.

Principal Contratação: Isaiah Thomas.

Destaques positivos: A equipe tem um jogo de transição muitíssimo forte e que possui pretensões de ser ainda mais aprimorado. Sempre jogando com a quadra bem espaçada e com dupla armação para ganhar ainda mais em velocidade e em passes, o Phoenix Suns buscou se reforçar ainda mais nessas áreas, trazendo o bom arremessador Anthony Tolliver para a posição 4 e o baixinho, porém veloz Isaiah Thomas; o segundo para rotacionar Bledsoe e Dragic e o primeiro para fazer o backup dos irmãos Morris, tudo isso para manter o ritmo alucinante para os mais descuidados e menos atléticos times. Além disso a equipe continua resgatando a carreira de jogadores medianos, como foi com Gerald Green e Miles Plumlee, que fizeram uma temporada muito interessante.

Destaques negativos: Por mais que Plumlee tenha feito uma boa temporada, não é sempre muito confiável e ainda é muito cru no ataque. Alex Len teve uma temporada decepcionante, atrapalhado por contusões e o desempenho do mais experiente dos irmãos Plumlee. Além disso a equipe tem excesso de jogadores nas posições 1 e 4. A não ser que a equipe resolva jogar com 5 abertos e dupla armação ao mesmo tempo, parece um planejamento arriscado e pode acabar sendo presa fácil de times bem preparados para defender o perímetro com velocidade. A equipe está na fortíssima Conferência Oeste e mesmo este time sendo bom e entrosado, pode acabar sendo pouco novamente e todo esforço pode parar fora dos Playoffs.

Resumo: A equipe tentará ganhar uma vaga nos Playoffs na competitiva conferência oeste, mas a equipe se vê um patamar abaixo de equipe como o Portland Trail Blazers, Memphis Grizzlies, Houston Rockets, Golden State Warriors, Oklahama City Thunder, Los Angeles Clippers, Dallas Mavericks e San Antonio Spurs. E essas equipes já somam oito, isto sem contar equipes que tiveram problemas de contusão e acabaram por fazer temporadas medianas na últimas campanha, caso do New Orleans Pelicans e o Denver Nuggets. O Oeste oferece perigos demais ao Phoenix e o time parece não ter armas o suficiente para ir ao mata-mata e, mesmo se fosse, teria bastante dificuldade para enfrentar as outros times. Como a Conferência Oeste não é a Leste, o Suns terá que suar sangue e não apagar na hora “H” se quiser ir mais longe que na última temporada.

Previsão para a Temporada: 11º do Oeste com 44 V e  38 D.

%d blogueiros gostam disto: