Carlisle prevê Nowitzki no top five de maiores pontuadores da história

Dirk Nowitzki

O treinador Rick Carlisle do Dallas Mavericks está muito otimista sobre o desempenho de Dirk Nowitzki nas próximas três temporadas, confiante em que Nowitzki vai continuar jogando até 2017.

Essas são as possíveis explicações para a alegação de Carlisle nesta última quinta-feira que seu ‘cestinha’ alemão deve terminar a sua carreira como um dos cinco maiores pontuadores-na história da NBA. Não é estranho, considerando Nowitzki e seu incomparável fade-away já está na décima posição antes do início desta temporada, mas ultrapassar os cinco primeiros será uma subida íngreme.

Aqui está o ranking de todos os tempos até a campanha de 2014-15:

1º Kareem Abdul-Jabbar      38387 pontos/ 24.6 média
2º Karl Malone                        36928 pontos/ 25.0 média
3º Michael Jordan                  32292 pontos/ 30.1 média
4º Kobe Bryant                        31700 pontos/ 25.5 média
5º Wilt Chamberlain              31419 pontos/ 30.1 média
6º Shaquille O’Neal                28596 pontos/ 23.7 média
7º Moses Malone                    27409 pontos/ 20.6 média
8º Elvin Hayes                        27313 pontos/ 21.0 média
9º Hakeem Olajuwon            26946 pontos/ 21.8 média
10º Dirk Nowitzki                  26786 pontos/ 22.5 média

Para pegar Chamberlain em 5 º, Nowitzki precisa marcar mais 4.633 pontos.

Abaixo está uma projeção para Dirk pelo menos chegar em Chamberlain:

2013-14 média de pontuação foi de 21,7: 213 jogos

2011-14 média de pontuação foi de 20,5: 226 jogos

A pontuação média de 20,0 (proprietário Mark Cuban sugeriu que ninguém na equipe terá): 232 jogos

A pontuação média de 18,9: 246 jogos (exatamente três temporadas)

A pontuação média de 17,8 (36 a idade média de Tim Duncan): 260 jogos

Com base nesses números, Nowitzki deve manter-se muito eficaz e extremamente durável para pegar Chamberlain nas próximas três temporadas. Aos 36 anos de idade, não está claro se qualquer uma dessas hipóteses são justas, mas é certamente difícil apostar contra um jogador que de alguma forma melhorou aos 35 anos.

O sexto lugar na lista, pelo menos, parece relativamente assegurado.

%d blogueiros gostam disto: