Brad Stevens sobre Marcus Smart: “Poucos, poucos, muito poucos podem ver o jogo e reagir como ele.”

w640xh480_USPW_401531

O treinador do Celtics, Brad Stevens tem uma nota de otimismo para oferecer aos fiéis celtas sobre o jovem armador Marcus Smart, que ainda parecem amedrontados com a chance de outra campanha sombria. Porém seu armador novato deixou ótimas impressões.

“Treinei muitos jogadores realmente brilhantes, poucos, poucos, muito poucos podem ver o jogo e reagir como ele”, disse Stevens.

E isso depois de um jogo em que ele atirou 0 para 8, e teve o maior número de turnovers com pontos (dois). Mas números que provavelmente tenham a ver com a falta de entrosamento e nervosismo, problemas que são muito fáceis de resolver, do que coisas como instintos, visão de quadra e QI de basquete, que Smart parece ter de sobra.

O produto da Oklahoma State, que o Celtics buscou com a sexta escolha geral no draft deste ano foi jogado na fogueira logo de cara, graças a uma lesão na mão do principal jogador da franquia, Rajon Rondo.

E apesar de Smart ter encontrado dificuldades neste primeiro jogo de pré-temporada contra o 76ers na segunda-feira, Stevens o vê como um sinal de esperança, sobretudo tendo em conta o futuro incerto de Rondo na franquia.

%d blogueiros gostam disto: