Previsão da Temporada: Detroit Pistons

103931151FM_Pistons_MagicEquipe: Detroit Pistons

Conferência: Leste

Divisão: Central

Temporada 2013-14: 29V-53D, 11º na conferência Leste

Elenco (Até o momento)

Armadores: #7 Brandon Jennings / #26 DJ Augustin / #24 Lorenzo Brown / #31 Will Bynum / #21 Spencer Dinwwiddie

Ala-armadores: #5 Kentavious Caldwell-Pope/ #20 Jodie Meeks / #23 Josh Bostic

Alas: #6 Josh Smith / #25 Kyle Singler / #31 Caron Butler / #13 Luigi D´Atome

Ala-pivôs: #24 Greg Monroe / #9 Tony Mitchell / #43 Brian Cook / #33 Jonas Jerebko / #35 Cartier Martin

Pivôs: #0 Andre Drummond / #34 Aaron Gray / #32 Hasheem Thabeet

Treinador: Stan Van Gundy

GM: Jeff Bower

Principal jogador: Greg Monroe

Quem pode surpreender: Kentavious Caldwell-Pope, mais experiente após sua temporada de estréia e dividindo minutos com o instável Jodie Meeks.

Calouros: Spencer Dinwiddie

Quem chegou: DJ Augustin, Caron Butler, Jodie Meeks, Cartier Martin e Aaron Gray

Quem saiu: Chauncey Billups (aposentou-se), Charles Villanueva, Rodney Stuckey

Principal Contratação: Jodie Meeks

Destaques positivos: Quando falamos do plantel e das chances do Detroit Pistons nesta temporada, invariavelmente temos que citar um dos garraföes mais prodigiosos da Liga, composto pela excelente dupla Monroe/Drummond, o primeiro após aceitar a oferta qualificatória que lhe dá um salário bem aquém do mercado para um jogador do seu naipe. Além disso, devemos ressaltar que ambos possuem a companhia de Josh Smith, que apesar de uma temporada de estréia em Detroit bastante decepcionante é sempre um jogador de quem deve se esperar muito. Mas o ponto a ser mais ressaltado é que agora o Pistons possui um técnico de verdade. Stan Van Gundy  acumulará o comando do time dentro de quadra com a Presidência de Operaçöes. O pacote de mudanças afetou até o lendário Joe Dumars, que näo é  mais o GM da equipe, desgastado pelas más campanhas recentes. Jeff Bower assumiu em junho.

Destaques negativos: A temporada näo começou com muita sorte para o Pistons. A franquia tinha uma escolha protegida no Top 8 em favor de Charlotte. Após o sorteio, incrivelmente o Pistons se sucedeu com a nona escolha e consequentemente deixou de escolher um atleta do quilate de Noah Vonleh, Doug McDermott ou Elfriid Payton. Falando em armadores, o perímetro da equipe sequer se aproxima da qualidade que há embaixo da cesta. Brandon Jennings terá agora a sombra de DJ Augustin (que vem até de boa temporada pelo Chicago) e ao lado de um dos dois, Bower acreditou no enigmático Jodie Meeks, jogador que tem bastante dificuldade em efetuar um jogo consistente, notadamente em nível coletivo. Além disso, fora de quadra, a cidade sente os impactos da decretaçäo falimentar recente, o que indiscutivelmente causa alguma influência no time e na torcida.

Resumo: A franquia de Michigan brigará por uma vaga de playoffs sem mando de quadra. Se os jogadores se mantiverem saudáveis, o paint será um grande diferencial e é bem provável que tenhamos o Pistons na pós-temporada. Stan Van Gundy é um dos poucos treinadores que nunca teve um recorde negativo numa season e pode ser considerado o homem que “produziu” as melhores temporadas de Dwight Howard. Essa expertise pode trazer excelentes resultados com Greg Monroe e Andre Drummond.

Previsão para a Temporada: 7º do Leste com 37 V e 45 D.

%d blogueiros gostam disto: